"Educar é um exercício de imortalidade. De alguma forma continuamos a viver naqueles cujos olhos aprenderam a ver o mundo pela magia da nossa palavra. O professor, assim, não morre jamais...Entendo assim a tarefa primeira do educador: Dar aos alunos a razão para viver”.
RUBEM ALVES

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

CHEGARAM AS FÉRIAS!!!

Mais um ano que finda. Podemos dizer que foi um grande ano, repleto de desafios e dificuldades, mas também de muitas realizações, demonstrações de carinho e de vontade de progredir. Temos muito a agradecer aos pais, nos dando apoio em nossa caminhada; às funcionárias, sempre incansáveis e prestativas, às professoras, nossas sempre companheiras, pelo empenho em fazer com que todos os alunos pudessem aprender e aos nossos queridos alunos, pelo esforço e persistência. Não podemos deixar de agradecer em especial à nossa diretora Sofia Oliveira, que estará nos deixando, em função de sua aposentadoria, pelos ensinamentos, pelos "puxões-de-orelha" quando necessários, pelo carinho que nos dispensou e pela confiança e amizade que sempre nos reservou. Passaremos uns dias em férias, pois afinal, precisamos descansar as idéias e recarregar as baterias, para voltarmos em 2011 com a esperança de um mundo mais humano e fraterno. BOAS FÉRIAS A TODOS!

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

É NATAL!








domingo, 12 de dezembro de 2010

HISTÓRIA DO NATAL

O Natal é uma data em que comemoramos o nascimento de Jesus Cristo. Na antiguidade, o Natal era comemorado em várias datas diferentes, pois não se sabia com exatidão a data do nascimento de Jesus. Foi somente no século IV que o 25 de dezembro foi estabelecido como data oficial de comemoração. Na Roma Antiga, o 25 de dezembro era a data em que os romanos comemoravam o início do inverno. Portanto, acredita-se que haja uma relação deste fato com a oficialização da comemoração do Natal.

As antigas comemorações de Natal costumavam durar até 12 dias, pois este foi o tempo que levou para os três reis Magos chegarem até a cidade de Belém e entregarem os presentes (ouro, mirra e incenso) ao menino Jesus. Atualmente, as pessoas costumam montar as árvores e outras decorações natalinas no começo de dezembro e desmontá-las até 12 dias após o Natal.

Do ponto de vista cronológico, o Natal é uma data de grande importância para o Ocidente, pois marca o ano 1 da nossa História.

A Árvore de Natal e o Presépio

Em quase todos os países do mundo, as pessoas montam árvores de Natal para decorar casas e outros ambientes. Em conjunto com as decorações natalinas, as árvores proporcionam um clima especial neste período.Acredita-se que esta tradição começou em 1530, na Alemanha, comMartinho Lutero. Certa noite, enquanto caminhava pela floresta, Lutero ficou impressionado com a beleza dos pinheiros cobertos de neve. As estrelas do céu ajudaram a compor a imagem que Lutero reproduziu com galhos de árvore em sua casa. Além das estrelas, algodão e outros enfeites, ele utilizou velas acesas para mostrar aos seus familiares a bela cena que havia presenciado na floresta. Esta tradição foi trazida para o continente americano por alguns alemães, que vieram morar na América durante o período colonial. No Brasil, país de maioria cristã, as árvores de Natal estão presentes em diversos lugares, pois, além de decorar, simbolizam alegria, paz e esperança. O presépio também representa uma importante decoração natalina. Ele mostra o cenário do nascimento de Jesus, ou seja, uma manjedoura, os animais, os reis Magos e os pais do menino. Esta tradição de montar presépios teve início com São Francisco de Assis, no século XIII. As músicas de Natal também fazem parte desta linda festa.

O Papai Noel : origem e tradição

Estudiosos afirmam que a figura do bom velhinho foi inspirada num bispo chamado Nicolau, que nasceu na Turquia em 280 d.C. O bispo, homem de bom coração, costumava ajudar as pessoas pobres, deixando saquinhos com moedas próximas às chaminés das casas. Foi transformado em santo (São Nicolau) pela Igreja Católica, após várias pessoas relatarem milagres atribuídos a ele.

A associação da imagem de São Nicolau ao Natal aconteceu na Alemanha e espalhou-se pelo mundo em pouco tempo. Nos Estados Unidos, ganhou o nome de Santa Claus, no Brasil dePapai Noel e em Portugal de Pai Natal.

A roupa do Papai Noel

Até o final do século XIX, o Papai Noel era representado com uma roupa de inverno na cor marrom ou verde escura. Em 1886, o cartunista alemão Thomas Nast criou uma nova imagem para o bom velhinho. A roupa nas cores vermelha e branca, com cinto preto, criada por Nast foi apresentada na revista Harper’s Weeklys neste mesmo ano.

Curiosidade: o nome do Papai Noel em outros países

- Alemanha (Weihnachtsmann, O "Homem do Natal"), Argentina, Espanha, Colômbia, Paraguai e Uruguai (Papá Noel), Chile (Viejito Pascuero), Dinamarca (Julemanden), França (Père Noël), Itália (Babbo Natale), México (Santa Claus), Holanda (Kerstman, "Homem do Natal), POrtugal (Pai Natal), Inglaterra (Father Christmas), Suécia (Jultomte), Estados Unidos (Santa Claus), Rússia (Ded Moroz).

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

INFORMÁTICA EDUCATIVA





quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Meio ambiente

Vejam que maravilhosa dica eu encontrei no blog Oficina de Educação http://of2edu.blogspot.com/ . Aproveito para dividir com vocês.
O site 'Meu Planeta Minha Casa' ensina pequenas ações positivas para as crianças ajudarem a preservar o planeta.Com foco no meio ambiente, o projeto é direcionado a crianças e professores. Clima, água, energia e lixo são alguns dos assuntos de destaque.
O site se divide nas seções: Meu Planeta, Minha Casa, Fóruns, Galeria de Imagens, Oficina e Para Professores. Também estão incluídos no projeto dicas de como ajudar o planeta, jogos e um glossário, no qual é possível encontrar o significado das principais palavras relacionadas ao meio-ambiente.


quinta-feira, 25 de novembro de 2010

SOBRE DROGAS

O tráfico de drogas no Brasil é uma situação incrustada na sociedade, desde as classes baixas às altas, se tornando por muitas vezes o ganha pão da família ou o sonho de carreira do moleque da favela, onde suas oportunidades são: jogador de futebol ou traficante. Esta última muito mais acessível. Os programas e políticas públicas do governo federal vêm lentamente mudando esta situação, mas ainda não chegou na solução. A população carcereira só aumenta e devem ser tomadas medidas legais de infra estrutura para solucionar o problema. Esta lei de drogas tem como objetivo isto, além de não transformar o “pequeno” se é que existe traficante em pós-graduado do crime dentro de uma prisão.

As opiniões de especialistas são importantes, mas não resolvem nada e só oneram o poder público, judiciário, legislativo e executivo. Falar que 13 gramas de cocaína é pouco é fácil. Mas quem impede o usuário de repassar uma certa quantidade a outra pessoa que às vezes nem usuário é e acaba se tornando pela companhia deste. Defino esta lei como solução apenas de políticas públicas sociais, que combatam a entrada de mais pessoas nesta vida e auxiliem na recuperação de dependentes químicos. Vivemos hoje uma epidemia de crack, algo nunca antes registrado e soluções devem ser apresentadas urgentemente. Já se registra mais de 1 milhão de viciados no Brasil e este número só cresce enquanto as medidas de prevenção e solução são paliativas.

Devemos refletir sobre soluções e prevenções para salvar o futuro, pois o presente está desenganado.

Jerônimo De Boni – colaborador do blog

domingo, 21 de novembro de 2010

MOSTRA CULTURAL

Dia 20 de novembro, a escola realizou a sua Mostra Cultural do Projeto Cuidando da Vida, projeto este que, de forma interdisciplinar, tem como objetivo conscientizar a comunidade escolar sobre a importância dos cuidados com a própria vida, com a vida do outro e com a vida do planeta. As atividades desenvolvidas durante o ano foram apresentadas a todos, que se mostraram encantados com o que assistiram. Na ocasião, houve o lançamento da 1ª edição do jornal da escola, denominado Bom Leitor. O projeto não pára por aí, a comunidade toda está bastante envolvida nas ações, que continuarão enquanto for possível acreditar que é possível tornar um planeta e uma VIDA melhor.

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Juventude conectada desafia modelo tradicional de ensino

Especialistas em educação fazem um alerta: a escola precisa mudar para acompanhar o ritmo da chamada geração Y
Se um estudante do século 19 voltasse às aulas hoje, como boa parte dos alunos gaúchos, provavelmente se espantaria com o comportamento dos colegas e com a parafernália eletrônica que carregam nas mochilas, mas reconheceria de longe a sala de aula: o quadro negro, as fileiras de classes e a figura do professor à frente da turma lhe pareceriam muito familiares. Enquanto a geração do século 21 nasce plugada e desafia os modelos tradicionais de educação com inéditas formas de pensar e de aprender, a escola que se propõe a ensiná-los pouco se modernizou nesses dois séculos.
Diante do choque inevitável entre alunos digitais e um modelo de ensino analógico, especialistas alertam para um momento de ruptura: se quiserem continuar cumprindo seu papel, as instituições de ensino precisam se reformular. E para isso não adianta apenas investir em laboratórios de informática. É necessário repensar desde a maneira de se relacionar com os alunos até a geografia da sala de aula. Em vez de taxar os alunos de inquietos ou desinteressados, é preciso investigar o porquê dessa aparente apatia.
– Isso que a gente chama de indisciplina, desinteresse, apatia deve ser um motivo para mexer na qualidade da aula. Essa geração fuça, mexe, pluga, implode a escola que tem o modelo de aula dos séculos 18, 19 – adverte o professor e pesquisador Adriano Nogueira, que trabalhou com Paulo Freire e assina com ele diversos livros sobre educação, entre eles Que Fazer? – Teoria e Prática em Educação Popular.
Chamados de geração Y por sociólogos, os nascidos depois de 1980 são identificados por uma inquietação permanente, alimentada pela crescente velocidade das redes a que estão conectados. As mudanças são tão aceleradas que já há quem identifique uma geração Z. Segundo o pedagogo e conferencista Hamílton Werneck, autor de livros como Se Você Finge que Ensina, Eu Finjo que Aprendo, ela seria formada pelos nascidos depois de 1994.
– A Z é uma espécie de geração Y mais turbinada, está muito mais conectada no cyberespaço, e a escola está ficando para trás. O problema é que esses alunos também sofrem os efeitos da dispersão. Eles começam pesquisando sobre o Delta do Rio Parnaíba na internet, entram num link sobre o delta do Nilo, daqui a pouco já estão lendo sobre a última pesquisa do DNA de Tucancamon e não fizeram a pesquisa original. A escola tem um papel importante nessa mediação, ajudando a discernir informação – diz Werneck.
Para Paulo Al-Assal, diretor-geral da Voltage, agência de pesquisa especializada em tendências, com sede em São Paulo, um dos problemas da escola atual é que ela mata a criatividade, ao padronizar alunos em seu modelo fabril. E a criatividade é justamente a principal exigência do futuro.
– Minha filha de oito anos assiste Discovery, Geographic Channel, acessa multiplataformas. Aí vem a professora no primeiro dia de aula e diz: “a pata nada”. Em seu formato atual, a escola mata a criatividade – critica Al-Assal.
A estudante Daniela Guerra Cotta, 11 anos, ouve em seu iPod as músicas que baixa da internet, conversa no MSN com as amigas enquanto se diverte com o jogo virtual Club Penguin. Orgulhosa, mostra o livro que escreveu e postou no site Bookess. Com o título O Livro Premiado, é uma história com “concursos, romances, paixões secretas, bailes, emoções e música”, como define a sinopse escrita por ela. Explica ainda como cria histórias em quadrinhos na internet. Tudo em um clique, tudo ao mesmo tempo. Ela garante que gosta da escola, está com saudades de reencontrar pessoalmente as amigas no Colégio Rosário, em Porto Alegre. Mas preferia que as aulas fossem no computador.
– Seria mais legal, né? – diz ela, que também ensinou a mãe a criar um twitter e produzir vídeos no programa Movie Maker.
A mãe, a professora Cleonice Guerra, corre atrás para aprender com a filha – e transmitir o aprendizado a seus alunos:
– As crianças já nascem conectadas. Nós somos migrantes, eles são nativos. Se a gente não estiver atualizado, eles passam por cima.
Conheça a Geração Y
Pontos positivos
- Inteligência: eles aprendem tudo ao mesmo tempo
- Bom relacionamento: tendem a se relacionar bem e tolerar as diferenças
- Agilidade: são rápidos para resolver o que gostam
- Fidelidade aos seus ideais: eles defendem seus projetos
Riscos
- Exílio: os alunos correm o risco de ficar alienados e exilados em seu mundo no computador. Um dos papéis da escola é ajudá-los a se socializar
- Superficialidade: a velocidade é tão grande que eles refletem pouco sobre as informações. O professor deve ajudá-los
- Inquietação permanente: essa geração está sempre em busca de novos estímulos e pode deixar tarefas incompletas
- Dispersão: em meio a tantos links e possibilidades, os alunos podem se perder
Por onde começar
Professores:- Seja um mediador: ajude seus alunos a selecionar as informações. Oriente, organize o conhecimento
- Atualize-se: não seja analfabeto digital. Aprenda com seus alunos, navegue na rede e aproveite o entusiasmo deles para produzir materiais didáticos em conjunto
- Tente entender como o jovem pensa: às vezes, ele contesta por não entender o porquê daquela tarefa
Pais:- Participe: acompanhe o que seu filho pesquisa na internet e procure orientá-lo
- Estabeleça horários: delimite o tempo para as lições de casa e para brincar. Lembre-se de que o seu filho precisa dormir bem para poder reter na memória o que aprendeu
- Oriente: ajude nas lições de casa, mas nunca faça por eles

Este artigo foi divulgado no http://www.cmconsultoria.com.br/vercmnews.php?codigo=43149
Fonte: Zero Hora Online

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Bibliotecas virtuais: tenha acesso à cultura sem gastar dinheiro


Alguns links que oferecem obras literárias de diversos assuntos completamente de graça:

Fonte:http://olhardigital.uol.com.br/produtos/central_de_videos/bibliotecas-virtuais-tenha-acesso-a-cultura-sem-gastar-dinheiro/14581/integra

domingo, 24 de outubro de 2010

LER É DESCOBRIR O MUNDO

Gente, encontrei uma informação que vale a pena dividir com vocês.
O Banco Itaú está distribuindo livros infantis grátis e a proposta
é bem interessante:
você lê para as crianças e depois repassa para alguém fazer o mesmo!!
Que tal?? Para solicitar os livros basta se cadastrar no site:
Boa leitura à todos!
Eu já fiz o meu pedido!
Repassem essa dica!

domingo, 17 de outubro de 2010

COMEMORANDO O DIA DO PROFESSOR

No dia 15 de outubro, participamos do almoço em homenagem ao Dia do Professor,na sede social do SIMPASSO. O almoço estava excelente e foi um momento de muita descontração entre os professores da rede municipal de Passo Fundo. Na oportunidade, fizemos uma surpresa à diretora da escola, profª Sofia Oliveira, já que este é o último ano em que ela trabalha conosco, pois no início do próximo ano, estará se aposentando.Foi um momento bastante emocionante, como se pode ver nas fotos:

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

domingo, 10 de outubro de 2010

CRIANÇAS!



sábado, 2 de outubro de 2010

POR FALAR EM ECOLOGIA

No dia 03 de outubro (sábado), os alunos Diônatan, Jocelene, Juliana e Tuany, da 8ª série, acompanhados das professoras Célia Ruas e Vânia Vedana, estiveram representando a Escola Municipal de Ensino Fundamental, no programa Por falar em Ecologia, Rádio Diário AM de Passo Fundo. Este programa vai ao ar nos sábados, das 8h às 9h. Durante a programação, foram trazidos esclarecimentos quanto ao Projeto Cuidando da Vida, projeto este que envolve toda a comunidade escolar, de uma forma interdisciplinar, com o objetivo de conscientizar a comunidade escolar sobre a importância dos cuidados com a própria vida, com a vida do outro e com a vida do planeta.

Diariamente, milhões de pessoas deparam-se com problemas de saúde: doenças físicas, psíquicas, psicossomáticas... O contexto mostra-se, de certa forma, doente. Somam-se a isso, os problemas ambientais. Urgem ações individuais e coletivas. A Escola, como espaço de construção e aprendizagens, tem a tarefa de possibilitar aos sujeitos que a compõem, momentos de reflexão e de sensibilização em relação a tudo o que se refere à preservação da VIDA. Neste sentido, é fundamental discutir sobre as relações que se estabelecem desde o cotidiano de sala de aula até o entorno, buscando constituir sujeitos capazes e com responsabilidades sociais. Pensar e encaminhar ações que defendam a vida no planeta podem e devem se vincular a outras ações. Essa grande corrente poderá, aos poucos, amenizar a falta de cuidados com o ecossistema.

Dentre as ações que fazem parte do projeto estão o recolhimento de pilhas e baterias usadas, reaproveitamento do óleo de cozinha usado (utilizado na confecção do sabão caseiro), combate ao bullying, prevenção à drogadição e o combate à duengue. A escola também realizou a confecção de uma camiseta para ajudar na divulgação deste projeto, trazendo na estampa o desenho feito por um dos alunos, que se destaca na parte artística. Enquanto esteve no ar, a escola reiterou a necessidade de ampliar estas ações para toda a comunidade de Passo Fundo e solicitou o apoio de todos os órgãos e entidades que queiram se engajar nesta luta pela preservação do planeta.

domingo, 26 de setembro de 2010

ESCOLA ABERTA À COMUNIDADE

No dia 25/09 a EMEF Irmã Maria Catarina abriu novamente suas portas à comunidade, em mais um Dia de Ação Global. Algumas entidades se fizeram presentes, prestando serviços gratuitamente, como: corte de cabelo, verificação de pressão arterial, teste de visão, orientações na área de enfermagem e odontologia, no combate à dengue, ao uso do álcool, orientando nas questões ambientais, realizando tatuagens, maquiagem, entre outros. A escola aproveita para agradecer a todos pelo empenho e disponibilidade e reforça o convite para que outras entidades também possam se engajar nestes tipos de projetos que trazem benefícios às comunidades mais necessitadas.

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

LIVRO DO MÊS - SETEMBRO


Em Passo Fundo, o Projeto Livro do mês da Capital Nacional da Literatura anuncia a tração de setembro: a autora de livros infanto-juvenil Luciana Savaget, com o livro Enigmas de Huasao - uma história peruana. Na obra, a autora carioca narra com sensibilidade e beleza estética os enigmas que cercam a desolada e deserta vila de Huasao, localizada a noroeste de Cuzco, próxima ao famoso Machu Picchu. Por meio de Hilaria, moradora da região, narra fatos estranhos e misteriosos, fazendo nascer uma história tão enigmática e fantástica quanto os acontecimentos vividos pelos moradores da milenar aldeia.
Dia 23 de setembro, pela parte da manhã, o debate realizou-se no teatro do SESC Passo Fundo, com alunos e professores da rede municipal de ensino. Mais uma vez, nossa escola garantiu sua participação, possibilitando aos alunos das 5ª séries neste evento, com a leitura prévia do livro e discussão do mesmo em sala de aula. Alguns professores de outros componentes curriculares também fizeram parte desta preparação, levando aos alunos aspectos e costumes relacionados ao Peru.
São momentos assim, que proporcionam cidadania e garantem a qualidade de ensino às escolas que acolhem estas idéias e aceitam este desafio.
Aproveitamos para agradecer à Universidade Popular pelo empenho e pela oportunidade maravilhosa em podermos participar destes momentos enriquecedores.

domingo, 29 de agosto de 2010

NOSSO ARTISTA

A professora Terezinha da Motta Medeiros propôs um trabalho na área de artes, na 8ª série, a partir do livro do mês de agosto, Cidade dos Deitados, de Heloísa Pietro. Mais uma vez, nosso aluno Adroaldo Baldo Dias se destacou. Na foto, pode-se conferir a beleza do seu trabalho. Com certeza, exemplos como esse, são talentos que não podem ser desperdiçados e que merecem uma oportunidade de demonstrar seu talento, seja na escola ou fora dela.

SEMANA DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

Na semana de 21 a 28/08, comemora-se a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla.
Nossa escola, IMAC, como a chamamos, em 2010, foi uma das contempladas com a Sala de Recursos Multifuncionais e nela são atendidos alunos que possuem algum tipo de deficiência (auditiva, visual e intelectual), com atividades que visam o desenvolvimento de suas potencialidades, sempre levando em conta suas limitações.
A professora Nilva Toazza (prô Biva), uma das professoras que atua nesta sala, elaborou o trabalho da foto, como forma de homenagear seus alunos.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

COMEMORANDO NOSSA HISTÓRIA

Para homenagear a Escola e os pais presentes, os alunos fizeram várias apresentações, com muita desenvoltura. Ao final da comemoração, foi cortado o bolo de 28 metros confeccionado pelas nossas queridas serventes. Com certeza, teremos ainda muitos aniversários da Escola a comemorar, sempre buscando alcançar o sucesso escolar.

IMAC-28 ANOS


Durante o mês de agosto, a Escola está comemorando 28 anos de história.São muitos anos de dedicação, trabalho, profissionalismo e comprometimento, por parte de professores, funcionários e alunos.Para comemorar esta data, foram realizadas várias atividades durante vários dias, onde contou-se com produções de alunos, homenagens à escola e também festa, porque comemoração sem festa, não é comemoração!
No dia 10 de agosto, foi organizado um jantar de comemoração aos professores que já passaram pela história de vida da escola e também para aqueles que nela continuam.Muitas pessoas compareceram para prestigiar o momento.As fotos demonstram a alegria que envolveu os diversos momentos.

terça-feira, 3 de agosto de 2010

PARA O DIA DOS PAIS

Nesta época, pensamos nas atividades que podem ser feitas a respeito do Dia dos Pais. No blog http://bloguinfo.blogspot.com a Sintian postou uma linda história que vale a pena ler para as crianças.
Veja na íntegra:
http://picasaweb.google.com.br/silgallo.gallo/AdivinhaOQuantoEuTeAmo#
Leia mais: http://minhacaixamagica.blogspot.com/#ixzz0vb7a9xeh
Se quiser, visualize aqui:

quarta-feira, 28 de julho de 2010


ImageChef.com Poetry Blender

PARA REFLETIR...

domingo, 18 de julho de 2010

DIA DO AMIGO

glitters

sexta-feira, 9 de julho de 2010

MAIS DICAS DE SITES


Olá amigos. Descobri um site que traz vários links interessantes e educativos para toda a garotada. Vale a pena conferir:

quarta-feira, 30 de junho de 2010

PASSO FUNDO É MAIS EDUCAÇÃO



O Programa Mais Educação foi oficialmente implantado em Passo Fundo pela Prefeitura Municipal na manhã desta quarta-feira(30/06), em solenidade na Câmara Municipal de Vereadores. Com objetivo de melhorar o rendimento do aluno e o aproveitamento do tempo escolar, essa ação oferecerá atividades no contra-turno em 19 escolas municipais de ensino fundamental. Mais de 2 mil alunos serão beneficiados.

O objetivo do Mais Educação é ampliar o tempo e o espaço educacional dos alunos da rede pública. As escolas atendidas oferecem jornada integral, com atividades no contraturno. Essas atividades precisam estar relacionadas ao projeto político-pedagógico da escola e dialogar com a comunidade do entorno. As ações podem ocorrer na unidade escolar ou em outro espaço socioeducativo.
A partir de macrocampos, definidos pelo MEC, a escola tem liberdade para escolher as atividades ofertadas aos alunos. O projeto deve trabalhar com as seguintes áreas (macrocampos): meio ambiente; esporte e lazer; direitos humanos e cidadania; cultura e artes; inclusão digital; saúde, alimentação e prevenção. Para saber mais sobre o Programa, visite o site http://portal.mec.gov.br/

A EMEF Irmã Maria Catarina também faz parte deste programa, atendendo neste semestre 100 alunos dos 4º e 5º anos e 8ª série da escola, sob a coordenação da professora Claudia Valiati.

domingo, 27 de junho de 2010

SITES QUE EDUCAM

Texto

Marina Azaredo

Evite que o computador vire uma babá eletrônica para o seu filho

Seu filho faz parte da chamada "geração Y". Também conhecida como geração da Internet, ela é composta por nascidos depois da década de 80 e tem como principal característica o seu crescimento em uma época de grandes avanços tecnológicos. Isso quer dizer que o computador faz ou fará parte da rotina dele (como a TV talvez tenha feito da sua). "As crianças e os adolescentes de hoje são nativos do computador e da internet. Já os adultos são imigrantes. São relações muito diferentes", afirma a Melina Veiga, especialista em Tecnologias Interativas Aplicadas à Educação e professora do Centro Universitário UniÍtalo e professora de Informática do Colégio Santa Marcelina, em São Paulo.

O tempo passado na Internet pode ser voltado para o aprendizado e a aquisição de conhecimentos. Há diversos sites que incentivam o desenvolvimento saudável de crianças e adolescentes, ampliando o seu universo cultural. Combinando informação com diversão, eles são, também, um excelente passatempo, que podem entreter e divertir os jovens. "Há conteúdos muito ricos na internet, para todas as idades. Acessando sites adequados para a faixa etária, crianças e adolescentes poderão aproveitar o que há de melhor na rede", diz Helena Cortês, professora da Faculdade de Educação da PUC-RS.


É justamente por isso que os pais devem participar mais dessa navegação, dessa exploração do mundo, orientando os filhos e fazendo uma mediação durante os momentos em que ele usa o computador. Mesmo em sites seguros, de conteúdo educativo, pode haver "falha" na segurança. Sites voltados para crianças com comunidades que possibilitam a interação entre os internautas, por exemplo, precisam de moderação e de um bom sistema de cadastro. "Um dos maiores perigos da internet é a pedofilia. Em comunidades e sites de relacionamento, as crianças correm risco de se relacionar com pessoas mal intencionadas", alerta a educadora Luciana Allan, diretora técnica do Instituto Crescer para a Cidadania.


Outra recomendação das educadoras é que os pais atentem ao excesso de publicidade em determinadas páginas - há um projeto de lei em tramitação no Congresso que proíbe qualquer tipo de comunicação mercadológica voltada para crianças. "O apelo ao consumo por parte das crianças é algo condenável", afirma Maria Ângela Barbato Carneiro, professora da Faculdade de Educação da PUC-SP. Também é bom prestar atenção no tempo passado em frente ao computador. "É preciso evitar que o computador se transforme em uma babá eletrônica. Ele deve ser apenas um dos muitos recursos usados na Educação de crianças e adolescentes", recomenda Helena Cortês.


A equipe do
Educar para Crescer fez uma lista de sites educativos para crianças e adolescentes e solicitou a avaliação de cinco especialistas em Educação:

  • Adriana Bruno, professora da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
  • Helena Cortês, professora da Faculdade de Educação da PUC-RS
  • Luciana Allan, diretora técnica do Instituto Crescer para a Cidadania
  • Maria Ângela Barbato Carneiro, professora da Faculdade de Educação da PUC-SP
  • Melina Veiga, especialista em Tecnologias Interativas Aplicadas à Educação e professora do Centro Universitário UniÍtalo e professora de Informática do Colégio Santa Marcelina, em São Paulo

Veja a seleção de sites para crianças e adolescentes avaliados pelas educadoras. Preste atenção às recomendações e divirta-se com o seu filho!

Para ler, clique nos itens abaixo:

Atividades Educativas

Brinque Book

Club Penguin

Cocoricó

Discovery Kids Brasil

EcoKids

Guia do Estudante

Guia dos Curiosos

Jogos Educativos

Máquina de Quadrinhos da Turma da Mônica

Menino Maluquinho

Mosaico.Edu

Pequeno Artista

Pintores Famosos

Q Divertido

Recreio

Senninha

Sítio do Pica-Pau Amarelo

Smart Kids

Só Matemática

TV Rá Tim Bum

Unicef Kids

UOL Crianças

Zoológico de São Paulo


domingo, 20 de junho de 2010

BULLYING

A Escola, preocupada com a incidência elevada do bullying escolar na sociedade, o qual vem ocasionando, tanto em alunos quanto em professores doenças psíquicas como: pânico e a fobia escolar, assim como o stress emocional, está desenvolvendo ações que visam combater esta grave situação.
No mês de junho, os alunos do Grêmio Estudantil iniciaram um processo de capacitação, visando
realizar um trabalho alertando aos colegas de todas as turmas sobre as consequências dessa prática, que vem afetando principalmente os jovens. Foram elaborados cartazes ilustrativos e divulgados estudos sobre um folder a respeito do projeto de lei anti bullying.
No decorrer do ano, estarão sendo realizadas mais atividades a respeito do tema, contempladas num grande projeto que está sendo desenvolvido pela Escola, denominado Cuidand
o da Vida.As fotos ilustram uma parte deste trabalho.

terça-feira, 15 de junho de 2010

OLIMPÍADAS DE MATEMÁTICA

Após realizarem a prova das Olimpíadas de Matemática, alguns de nossos alunos foram classificados para a segunda fase. São eles:
Nível 1: Jackson Ramos Alves, Gabriel da Silva Granja, Ana Joice da Silva Lourenço, Willian Fernandes dos Santos e Cleiton Matias da Cunha Pires.
Nível 2: Lucas Pinkoski dos Santos, Diônatan de Assis Soares e Ânderson da Silva Granja.
PARABÉNS A TODOS E CONTINUAREMOS A TORCER POR VOCÊS NA PRÓXIMA FASE!

segunda-feira, 14 de junho de 2010

SOBRE FESTAS JUNINAS

Para saber mais sobre as Festas Juninas, uma sugestão é acessar o site http://www.festajunina.com.br. Lá, podemos encontar receitas, a origem das festas, simpatias junias e conhece as outras festas pelo Brasil. Vale a pena conferir.

FESTAS JUNINAS

A Globo News exibiu um documentário sobre Festa Junina, mostrando como
surgiram as festas e as diferentes formas de comemoração pelo país.
Um excelente recurso para entender o porquê de termos estas festas nas escolas.

Assista, clicando neste link.